Recomenda Ações - Blog do Mercado Financeiro ✍🏻
2.04K subscribers
584 photos
16 videos
89 files
2.91K links
Investir é para todos.

Aqui você receberá informações sobre o mercado financeiro em geral.

O Research foi encerrado em Janeiro/2022 e torna-se um blog de notícias 🗞 dando sequência a criação do Recomenda Ações.

O importante é estar inspirado
Download Telegram
Forwarded from Clube dos Dividendos (Bruno Mazzoni)
Buenos dias Pessoal ☕️
Mais um dia de "aflição" na boRsa(s)

Vamos de #dividendos fora do radar #blau3


Entre no Canal do Clube dos Dividendos
🔗 https://t.me/ClubedosDividendos
📊 Ibovespa fecha em leve queda, pressionado por petróleo e busca por proteção

O Ibovespa fechou em queda nesta terça-feira, pressionado por ações de empresas atreladas ao petróleo, que despencou devido à busca global por proteção no dólar americano em meio ao temor global de uma recessão econômica.

O índice de referência da Bolsa de Valores de São Paulo recuou 0,32%, aos 98.294 pontos, revertendo parte das fortes perdas que vigoraram durante quase toda a sessão no mercado interno e externo. Os índices americanos fecharam mistos, após passarem a maior parte do dia no campo negativo. O S&P500 e o Nasdaq 100 fecharam em altas de 0,16% e 1,68%, respectivamente. O Dow Jones encerrou a sessão em leve queda de 0,42% a 30.967 pontos.

Leia na íntegra: ➡️ https://bit.ly/3P9wmpc
Forwarded from Clube dos Dividendos (Bruno Mazzoni)
Buenas Noches Pessoal 📊

Itaúsa #itsa4 concretiza a compra de ações da CCR #ccro3

A Andrade Gutierrez dilui 100% de sua participação da CCR


Entre Para o Clube dos Dividendos
🔗 https://t.me/ClubedosDividendos
Bom dia ☀️

Futuros dos EUA e Ásia recuam antes da ata do Fomc e preocupações com Covid


Os mercados asiáticos fecharam em baixa, mesma direção dos índices futuros de Nova York na manhã desta quarta-feira (6), antes da divulgação da ata da última reunião do Comitê Federal de Mercado Aberto (FOMC, na sigla em inglês) do Federal Reserve, que deve dar mais sinais sobre o ritmo de aperto monetário nos EUA.

As ações chinesas figuraram entre as maiores perdas do continente com o ressurgimento das preocupações com a Covid no gigante asiático. Novas rodadas de testes de Covid em Xangai aumentaram os temores de mais bloqueios para a China, o que teria um efeito cascata em outros mercados.

Xangai realizará testes em massa em vários distritos depois que os casos de Covid foram detectados no início desta semana.

Já as bolsas europeias operam em alta após cair na sessão anterior, com as ações de viagens e lazer liderarando os ganhos, já que quase todos os setores e principais bolsas entraram em território positivo.

Por aqui, a holding Itaúsa (ITSA4) comunicou aos investidores na noite de ontem (5) que assinou, junto com a Vontorantim, contratos para aquisição das 300,14 milhões de ações da CCR (CCRO3) detidas pela Andrade Gutierrez. O volume de papéis corresponde a 14,86% do capital da concessionária e será adquirido pelo montante de R$ 4,1 bilhões.

Na seara política, o relator da PEC dos Auxílios desistiu do “vale-Uber” e mudanças após pressão do governo. Já a agenda de indicadores domésticos está esvaziada.

Veja os principais indicadores às 6h01 (horário de Brasília):

EUA

Dow Jones Futuro (EUA), -0,17%
S&P 500 Futuro (EUA), -0,22%
Nasdaq Futuro (EUA), -0,22%

Europa

FTSE 100 (Reino Unido), +1,29%
DAX (Alemanha), +1,13%
CAC 40 (França), +1,06%
FTSE MIB (Itália), +0,50%

Commodities

Petróleo WTI, +1,77%, a US$ 101,27 o barril
Petróleo Brent, +2,39%, a US$ 105,23 o barril
Minério de ferro negociado na bolsa de Dalian teve alta de 1,84%, a 747,00 iuanes, o equivalente a US$ 111,49

Bitcoin

Os preços do Bitcoin sobem 1,41%, a US$ 20.173,90
🗳 Genial/Quaest: Lula segue na vantagem e venceria no 1º turno

De acordo com a mais recente pesquisa Genial/Quaest, Lula foi de 46% para 45% no primeiro turno, enquanto Bolsonaro foi de 30% para 31%.

Veja a pesquisa na íntegra: ➡️ https://bit.ly/3AuY77i
🏦 Bancos: Governo busca mudar regras para dedução fiscal de créditos inadimplidos

A mudança deve impactar a forma como os bancos registram suas perdas e deduzem o prejuízo das bases de cálculo de impostos. Na prática, o governo encurtaria os prazos para a declaração do prejuízo em operações de crédito, assim minimizando ajustes contábeis e provisionamentos que reduzem a arrecadação.

➡️ https://bit.ly/3bXi90c